luizabrasil_taravivendoblog

Olá Divas, tenho um grande orgulho de ter mais uma entrevista aqui no ar. Essa entrevista é com a maravilhosa: Luiza Brasil! Uma diva brasileira que tem muito o que nos ensinar! Ela é um exemplo de mulher! Vamos ver a entrevista?

Para maiores informações da Luiza Brasil: 

BLOG: http://mequetrefismos.com/

INSTAGRAM: https://www.instagram.com/mequetrefismos/

SNAP: mequetrefismos

FACEBOOK: https://www.facebook.com/luizaserrabrasil

TWITTER: https://twitter.com/mequetrefismos

COLUNA NO MODICES: http://modices.com.br/author/luizabrasil/

COSTANZA PASCOLATO:http://www.costanzapascolato.com.br/

E-mail: contato@mequetrefismos.com

BLOG/ Trabalho

luizabrasil_brancopreto_taravivendoblog
  • TARA: Como surgiu o seu blog/site  Mequetrefismos ? E por que desse nome?

LUIZA: Surgiu de um desdobramento da coluna que tenho no blog Modices, da Carla Lemos. Em 2012 comecei a me dedicar as postagens de cultura black por lá, o que gerou bastante repercussão, e me deu aquele incentivo para criar o meu próprio espaço.

  • TARA: Como começou a sua carreira ( o que estudoo/ aonde trabalhou) até chegar a trabalhar com a Pascolato?

LUIZA: Sou formada em Comunicação Social / Jornalismo pela PUC-RIO. Após trabalhar com jornalismo online e em departemanto de marketing de marcas de moda, decidi morar em São Paulo. Nesse momento, entrou na minha vida o trabalho com a Costanza, após assumir o projeto do seu site hospedado pelo Shop2gether. Fui responsável por todos os detalhes do lançamento do site, inclusive a inserção de conteúdos. E daí não parei mais: comecei a cobri fashion weeks, fui responsável pela Coordenação de Jornalismo de Moda da reedição do seu livro – O Essencial –  e por aí vai essa parceria ao longo de mais de 3 anos…

  • TARA: E como é trabalhar com a Pascolato?

LUIZA: É um aprendizado diário! Ela é uma mulher muito generosa e alinhada com a atualidade. Da mesma forma que aprendo com ela, a Costanza se permite aprender coisas novas comigo, coisas que pertencem ao meu universo mais urbano, street e contemporâneo.

 

  • TARA: Além de trabalhar com moda, você faz algumas ações sociais como palestras e workshops. Como isso entrou em sua vida?

LUIZA: Tornou-se necessário, sabe? Após tantas conquistas, nada mais justo do que compartilhar e trocar conhecimento com jovens e pessoas que precisam entender o quanto empoderamento importa e que precisamos estar cada vez mais presentes, como cidadões negros, nas mais diversos setores.

  • TARA: Qual foi o maior desafio que você já enfrentou/ou enfrenta em sua carreira?

LUIZA: Sem dúvidas é bater na tecla por mais representatividade negra na moda nacional. As marcas internacionais cada vez mais estão entendendo essa necessidade. Mas no Brasil, as coisas andam a passos muito mais curtos…

  • TARA: Como é um dia típico em seu trabalho ?

LUIZA: Um dia típico na minha rotina pode ser bem atípico (rsssss). Atualmente moro no Rio e vou a cada 15 dias para São Paulo para reuniões, ações e alinhar coisas “in loco”. Mas nos dias em que faço home office, sempre começo pela aquela checada básica nas redes sociais e e-mail e depois parto para execução das minhas demandas. Fotos, ações e coisas do tipo, tento marcar 1 por semana, pois mais que isso, a agenda vira uma loucura (e as pendências também)!

  • TARA: Qual conselho você daria para quem quer ser jornalista de moda?

LUIZA: Leia muito! Mas não se atenha somente a ler livros sobre moda. Entender assuntos como economia, antropologia, política e cultura é extremamente essencial para você alguns “fenômenos fashion”.

 

LUIZA

luizabrasil_branco_taravivendoblog
  • TARA: Você é uma mulher super diferente, como foi a construção de sua identidade?

LUIZA: É uma construção mesmo! Começou desde pequena. Sempre foi trabalhada pelos meus pais a questão do empoderamento em mim e, com isso, sempre tive interesse em buscar a minha ancestralidade, coisas que tenham a ver com as minhas raízes. Sempre inseri toques de “africanidade” ou da cultura black em geral no meu estilo –  não só de looks, mas também nos lugares que frequento e coisas que me interessam.

  • TARA: Como você se definiria?

LUIZA: Acho que definição limita. Mas se fosse falar das minhas inspirações favoritas do momento, sem dúvidas entram a estética negra desconstruída pelo Afrofuturismo e o lado “disco” dos anos 70.

  • TARA: O que você mais gosta de fazer e o que menos gosta de fazer? (vale tudo)

LUIZA: Gosto: estar no Rio de Janeiro, curtir meus amigos, ter tempo livre e liberdade de ir vir.

LUIZA: Não gosto: da sensação de estar presa a uma coisa só e macarrão com salsicha. rssss

luizabrasil_branco_taravivendoblog2
  • TARA: Como morar no Rio influencia o seu estilo de vida?

LUIZA: Talvez o lado solar e despretensioso da cidade é o que mais me atrai. O carioca é muito cool e tem um estilo que define o lifestyle de um país inteiro para o mundo.

  • TARA: O que você faz para ser uma mulher feliz?

LUIZA: Imprimir paixão em tudo que faço.

  • TARA: O que te inspira? ( nomes de sites, pessoas, lugares…)

LUIZA: A despretensão do Rio de Janeiro, o pique de São Paulo, a intensidade de Nova York, a ousadia de Londres e saber que existem no mundo pessoas incríveis como Angela Davis e Martin Luther King Jr. Na música, saber que Caetano Veloso, Gilberto Gil e Ney Matogrosso são “coisas nossas” também são bárbaras inspirações.

ESTILO/BELEZA

luizabrasil_preto_taravivendoblog
  • TARA: Aonde você compra suas roupas? E seus acessórios?

LUIZA: Sou muito garimpeira. Não apego a marcas em si, mas no quanto aquela roupa impactará meus looks. Na atualidade, marcas que tenho uma forte queda são principalmente as cariocas como: Verkko, Wymann, Haight, Paola Villas e a Paolla Falcão. Adoro valorizar o “Made in Rio”.

  • TARA: Quais são as suas influências/ referências na hora de mudar o  cabelo? E como é feito o seu novo estilo de cabelo?

LUIZA: Vai do meu estado de espírito mesmo. No caso do Marley Hair, eu faço na Casa da Madame Garcia. Ela utiliza uma tecnica chamada Weave Crochet, que não danifica o cabelo.

  • TARA: Você tem algum ritual de beleza? Como se cuida?

LUIZA:  Meu único ritual é a procura por ser felicidade!

  • TARA: Quais são mulheres referência de estilo para você e por que?

LUIZA: Olha, apesar de poderosíssimas e belíssimas, muita gente se surpreende quando digo que Beyoncé e Rihanna NÃO fazem parte da minha lista. rsssss Para me justificar, tem um texto perfeito da Camila Yahn ( http://ffw.com.br/blog/moda/o-que-e-preciso-para-ser-um-icone-de-moda/ ). Para mim, referência está na estética vanguardista da Grace Jones, no jeito  cool “nem aí” da Solange Knowles, no fashionismo das Irmãs Quann e na estilo inovador de Donna Summer.

 

luiza3

RAPIDINHAS

1-Seu signo:

 Leão

2-Esporte favorito:

Levantar copos de cerveja (rs). Brincadeira, talvez a danças como o Afrovibe sejam boas motivações para eu praticar exercícios.

3-Cor preferida: 

Branco

4-Que prato deveriam aprender a cozinhar com você? 

Meu frango com leite de coco

5-Filme que mais gostou: 

Azul é a Cor Mais Quente

6-Música que cantaria em público: 

Young Hearts Run Free

7-Seu pior defeito:

Querer abraçar o mundo e não dar conta

8-Sua melhor qualidade:

A curiosidade

9-Seu ponto fraco: 

Assumir mil coisas ao mesmo tempo

10-O que te irrita: 

Furos

11-O que te deixa feliz: 

Viajar

luiza2

12-O que te causa medo:

Perder minha capacidade de pensar

13- Que frase vive repetindo? 

Ai, juro que vou reparar! rsss

14-Que conselho daria a si mesmo?

Respira, suspira e inspira

15-Para quem ou para que, vc não tira o chapéu?

O Racismo

16-Um talento seu que ninguém descobriu ainda:

 O de vendedora. Arrasei no meu último bazar!

17-Qual foi o seu maior mico?

Prender a parte de trás por dentro da calcinha e sair de bunda de fora do bar. Apesar disso ter uns 10 anos, nada superou isso. rsss

18-Atividade que mais te dá prazer:

Sair para dançar uma boa música. Principalmente quando se fala em Festa Selvagem e nomes como Carrot Green, Tim Sweeney e Eric Duncan, nomes “hot” da cena eletrônica e disco.

19-Um lugar: 

Bahia (falaria Rio, mas não quero ser repetitiva)

20- Qual a mensagem que vc gostaria de deixar para a posteridade?

É inspirada em um dos principais nomes da moda, Diana Vreeland, que falava “The eye has to travel” (na tradução seria algo como “O olhar têm que viajar”.

luiza1

Divas, espero que vocês tenham gostado de saber um pouco mais sobre a LUIZA BRASIL! Deixem nos comentários quaisquer dúvidas!

Para maiores informações da Luiza Brasil: 

BLOG: http://mequetrefismos.com/

INSTAGRAM: https://www.instagram.com/mequetrefismos/

SNAP: mequetrefismos

FACEBOOK: https://www.facebook.com/luizaserrabrasil

TWITTER: https://twitter.com/mequetrefismos

COLUNA NO MODICES: http://modices.com.br/author/luizabrasil/

COSTANZA PASCOLATO:http://www.costanzapascolato.com.br/

E-mail: contato@mequetrefismos.com

Um beijo grande para todas as DIVAS desse Brasil,

Tara <3

ps. Se inscreva e receba os posts na sua caixa de e-mail, você não vai perder a chance de descobrir a DIVA que mora dentro de você.